Uber passa a banir passageiros mal avaliados por motoristas no Brasil

Da Redação
06 de setembro de 2018 - 13h00
Usuários que tiverem nota inferior a 4 receberão dicas de como melhorar avaliação; Medida visa melhorar relacionamento com motoristas e passou a valer no Brasil desde junho

Passageiros da Uber que tiverem nota baixa poderão ser banidos do aplicativo. A medida será válida para usuários da plataforma na Austrália e Nova Zelândia a partir de 19 de setembro, de acordo com informações reportadas pelo Wall Street Journal. Em entrevista ao jornal, Susan Anderson, informou que os passageiros cujas notas forem inferiores a 4 - a avaliação vai até 5 estrelas - serão notificados e terão uma chance de melhorar a sua pontuação. Entretanto, caso a nota não subir ou ainda cair, eles serão descredenciados da plataforma. 

A prática, apesar de não ter sido oficialmente anunciada pela Uber no Brasil, também cobre usuários por aqui desde junho deste ano, segundo informou a assessoria da Uber no Brasil à imprensa. O Brasil foi um dos primeiros países a implementar o novo regulamento.

A medida é uma resposta da Uber na tentativa de melhorar o seu relacionamento também com os motoristas. Ao WSJ, a porta-voz da companhia ressalta que a decisão prevê um tratamento mais justo com todos os usuários do serviço, além de prevenir abusos por parte dos passageiros. As novas punições dadas àqueles que ficam no banco de trás dos carros são muito semelhantes às dadas aos motoristas com avaliação negativa, que podem até mesmo ser banidos da Uber e impedidos de voltar a usar o serviço.

"Seja educado"

A Uber explica que usuários que tiverem uma avaliação média menor do que quatro estrelas passarão a receber avisos com dicas de como melhorar sua nota. Se o número não subir ou cair ainda mais, o usuário será descredenciado do aplicativo. No final de cada corrida, tanto o motorista quanto o passageiro são solicitados para dar uma nota até cinco à experiência. A avaliação é anônima e as partes envolvidas não têm como vincular a nota recebida ao usuário que a deu, garante a Uber. Mas é a partir desse histórico de pontuação que a empresa utiliza para chegar a uma média do passageiro ou motorista. Para saber a sua nota no aplicativo, basta clicar no canto superior esquerdo da tela, nas três linhas que abrem o menu de opções da plataforma.

A companhia não informa se já baniu passageiros do aplicativo no Brasil em resposta a nova política de avaliação. À BBC que, a representante da Uber disse que na região da Oceania, milhares de clientes tiveram notas inferiores a quatro.  "Seja educado, seja empático. Leve as suas coisas com você e não bagunce o carro", disse Susan Anderson em uma entrevista ao Channel 7 exibida na Austrália.