Microsoft abandona senhas em novo preview do Windows 10 S

PC World / EUA
08 de fevereiro de 2018 - 13h02
Liberada nesta semana para membros do programa Insider, build 17093 substitui senhas por PIN codes, impressões digitais e reconhecimento facial.

A Microsoft vê um futuro sem senhas no Windows 10 Insider Build 17093, pelo menos para os usuários do Windows 10 S. Sem alarde, a empresa minimizou o uso das senhas em troca de códigos PIN, sensores de impressão digital e até mesmo reconhecimento facial. 

Mas realmente acabar com elas de uma vez no Windows 10 S é uma das principais mudanças que devem fazer parte da próxima atualização do sistema, de codinome Redstone 4 (e que deverá ser chamada de Spring Creators Update), com lançamento previsto para acontecer entre o fim de março e início de abril. 

A build 17093, que foi liberada pela companhia nesta quarta-feira, 7/2, também inclui novas configurações gráficas para diversas GPUs, melhorias no rastreamento ocular, conexões mais rápidas via Bluetooth, entre outras novidades. 

Windows 10 S deixa senhas de lado

Em outubro do ano passado, um dos recursos escondidos dentro do Windows 10 Fall Creators Update era um mecanismo para eliminar senhas e as substituir por um app autenticador – mas esse recurso não fazia realmente nada na época. Agora ele faz. 

Uma senha, obviamente, é a maneira tradicional de acessar o Windows – mas é sempre um incômodo ter ficar lembrando e mudando. No Windows 10, a Microsoft implementou alguns atalhos para isso, incluindo usar um código PIN curto ou fazer login com o seu rosto ou impressão digital por meio do Windows Hello. Mas configurar essas opções também exigia uma senha. 

Agora a Microsoft está usando o seu Authenticator App (veja imagem abaixo) para iOS e Android, que cria um código de 8 dígitos por minuto que é ligado de forma exclusiva ao seu smartphone. Pode não substituir uma senha única e forte, mas um invasor teria de ter acesso ao seu celular protegido e ao seu PC. Para configurar o Windows Hello ou o uso do PIN, você só precisará do código enviado pelo aplicativo – em vez da senha.

Apesar de essa ser uma versão Insider do sistema – o que significa que ainda pode passar por mudanças – a Microsoft indica que essa é uma decisão definitiva. “Com as mudanças nesta build, o seu PC Windows 10 S deixará automaticamente a sua experiência livre de senhas”, afirmou a empresa de Redmond em seu blog. Mas para usar esse recurso, vale lembrar, é preciso possuir um smartphone.

microsoftauthenticator01.jpg