AMD libera update opcional para processadores contra falha Spectre

PC World / EUA
12 de janeiro de 2018 - 16h33
Por enquanto, fabricante diz que patches para os chips Ryzen, Threadripper e Epyc não são críticos nem obrigatórios.

A AMD vai liberar updates de firmware para proteger os seus processadores contra a falha de CPU Spectre que afeta a maior parte dos computadores, smartphones e tablets do mercado. No entanto, a fabricante não está tratando esses patches como críticos e obrigatórios, ao contrário da rival Intel. 

Quando as falhas Metldown e Spectre foram reveladas na última semana, a AMD disse que as suas CPUs não eram vulneráveis à Meltdown, a primeira falha do Spectre seria resolvida via atualizações de software e sistema operacional, e que “as diferenças na arquitetura da AMD significam um risco quase zero de exploração” da segunda variante do Spectre. De qualquer forma, apesar de o CTO da AMD, Mark Papermaster afirmar que “nós acreditamos que as arquiteturas dos processadores da AMD dificultam a exploração da Variante 2”, a fabricante agora planeja publicar patches para as suas CPUs contra a falha. 

A AMD iniciará o lançamento de “updates de microcódigo opcionais” para os chips Ryzen, Threadripper e Epyc junto aos seus parceiros nesta semana, com as atualizações de firmware para os processadores mais antigos chegando mais para frente. Assim como os update de firmware da Intel, você não receberá as atualizações da AMD diretamente pela AMD. Em vez disso, você precisará baixá-las a partir da fabricante do seu PC, laptop ou placa-mãe por meio das suas respectivas páginas de suporte. 

Mas talvez você queira esperar um pouco para fazer isso, Quando a Microsoft disse que as falhas Meltdown e Spectre podem deixar os PCs mais lentos, a empresa afirmou especificamente que a segunda variante do Spectre é a única que exige um update de microcódigo da CPU – e que as correções para a segunda variante do Spectre são as que podem mais afetar o desempenho do seu computador. Atualizações de firmware publicadas de forma apressada podem ser também um tanto delicadas. As soluções CPU da Intel estão fazendo com que computadores baseados nos chips Haswell e Broadwell reiniciem mais vezes, por exemplo.

Se a AMD diz que os seus processadores possuem um risco quase zero em relação à segunda variante do Spectre e que esses updates de CPU são opcionais, então você talvez possa esperar um pouco para instalá-los até que os potenciais impactos de desempenho tenham sido avaliados no mercado, especialmente se você possui um PC mais antigo e/ou rodando as versões Windows 7 ou 8. Esses sistemas sofrem mais com perdas de desempenho por conta dos patches de microcódigo, segundo a Microsoft. 

Apesar de as placas gráficas Radeon não serem vulneráveis às falhas Meltdown e Spectre, que afetam CPUs, esses ataquem podem usar o software do seu PC para explorar as vulnerabilidades dos processadores. Por isso, esperamos que a AMD em breve solte atualizações para os drivers das placas Radeon contra o Spectre, de maneira parecida com o que a Nvidia fez para algumas placas GeForce.

Proteger seu dispositivo contra essas falhas de CPU é um processo um tanto complicado, com as soluções afetando seu hardware, software e sistema operacional. Confira nosso especial sobre como proteger seu computador contra essas vulnerabilidades Spectre e Meltdown.