Novo museu na Suécia reúne os maiores fracassos da inovação

Da Redação
19/06/2017 - 02h17
Chamado de Museum of Failure, estabelecimento traz dezenas de serviços e itens que fracassaram, incluindo lançamentos de empresas como Apple, Google e Nokia.

Todos conhecem os produtos que inovaram e fizeram sucesso, como o iPhone e o Netflix, para ficar em exemplos mais recentes. Pois bem, um novo museu na Suécia quer mostrar o outro lado da moeda. Ou seja, todos os itens e serviços que fracassaram. 

Chamado apenas de Museum of Failure (algo como Museu do Fracasso), o estabelecimento localizado na cidade de Helsinborg se descreve como “uma coleção de fracassos interessantes de inovação”.

Com curadoria do psicólogo Samuel West, o museu reúne 70 produtos que buscaram a inovação, mas só conseguiram atingir o fracasso, incluindo diversos lançamentos de empresas de tecnologia, como Apple, Google, Nokia e Sony.

A listra traz aparelhos como o Apple Newton, a primeira incursão da empresa de Cupertino em busca de um tablet, ainda nos anos 1990; o bizarro celular para games N-Gage, da Nokia; o recente Google Glass, que saiu de cena antes de chegar oficialmente ao mercado; e um aparelho de 200 dólares que só permitia acessar o Twitter, chamado de TwitterPeek.

“Sabemos que algo entre 80% e 90% dos projetos de inovação acabam fracassando e você nunca acaba lendo sobre eles. E se há algo que podemos a partir desses fracassos, é aprender com eles”, afirma West em entrevista ao The Verge.

Curioso? Clique aqui para acessar o site oficial do Museum of Failures e saber mais sobre a interessante iniciativa.