PCs com Windows 10 S terão Bing e Microsoft Edge como apps padrão

PC World / EUA
03 de maio de 2017 - 15h32
Com isso, os usuários do novo sistema da Microsoft para escolas não poderão trocar o Edge pelo Chrome ou o Bing pelo Google como opções padrão em suas máquinas.

Quando a Microsoft revelou os detalhes do novo Windows 10 S nesta terça-feira, 2/5, o sistema pareceu muito similar ao fracassado Windows RT. Mas parece que há um pouco do Windows 8.1 com o Bing aqui também: isso porque a empresa não permitirá que os donos de aparelhos Windows 10 S mudem navegador web padrão ou o buscador padrão, conforme publicado em primeira mão pelo The Verge

Isso significa que o Microsoft Edge e o Bing são os padrões inescapáveis para o Windows 10 S, uma versão mais simples do Windows 10 que só permite que o usuário baixe aplicativos e programas pela Windows Store.

No entanto, a Microsoft não destacou essa desvantagem sobre os padrões durante a apresentação do sistema nesta terça-feira, 2/5, em evento nos EUA, incluindo-a em um FAQ publicado on-line.

De qualquer forma, a verdade está aí fora agora e é algo ruim para quem prefere o Google ou o DuckDuckGo como a ferramenta de buscas padrão, por exemplo.

Como costuma acontecer em casos do tipo, é possível dar alguns jeitinhos, como configurar o Google como sua página inicial no Edge – mas não será possível abrir todas as abas para o Google. E sempre que a Cortana fizer uma busca na web, utilizará o Bing.

Quanto ao Edge ser o navegador padrão, não é algo tão importante já que não há outros browsers disponíveis na Windows Store atualmente. A não ser que o Windows 10 S cresça significativamente nos próximos anos, dificilmente veremos o Chrome e o Firefox na Windows Store.