Novo set-top box para TV digital da Intel entra em produção no País

Nando Rodrigues, editor da PC World e Vinícius Cherobino, do COMPUTERWORLD*
12 de setembro de 2008 - 13h17
São Paulo - Acordo de produção em OEM é resultado de parceria entre Intel e a Tecsys na área de decodificadores pra TV digital.

A Intel divulgou nesta sexta-feira (12/09), durante o Editor’s Day, um acordo de desenvolvimento de decodificadores para TV Digital em parceria com a Tecsys. Estão em fase de testes três equipamentos, dois deles receptores com decodificadores integrados (IRD), voltados para redes de TV e empresas de TV a cabo, e um set-top box que será oferecido no modelo de OEM no mercado. O Editor’s Day acontece em Trancoso (BA).

Leia também:
> Assista TV digital diretamente do seu PC
> Sinal da TV digital avança em SP

Duas empresas já fecharam acordo para a produção dos set top box. Um é a Amplimatic, fabricante de receptores de sinal de TV via satélite, que em novembro deve lançados dois modelos de decodificadores, um deles, top de linha e compatível com o padrão brasileiro IDGB-Tb de TV  Digital; e outro voltado para a recepção de sinal de satélite em alta definição (HDSat/DVB-S2).

O segundo acordo foi assinado com a integradora Jabil do Brasil e que deve produzir equipamentos tanto para o mercado profissional quando doméstico. “Todos são produtos exclusivos para TV digital de alta definição e que vão atender o mercado de TV digital terrestre, empresas de TV a cabo e de transmissão por satélite”,explica Américo Tomé, gerente de novas tecnologias da Intel para a América Latina.

As iniciativas das empresas visam atender a uma demanda estimada por produtos de TV digital nos próximos anos. Segundo dados da IMS Research, o Brasil é o sexto maior mercado do mundo em set-top box avançado, que incluem funções como capacidades de interatividade e de gravação, ficando atrás apenas dos Estados Unidos, Reino Unido, Alemanha, Índia e França. Segundo a IMS Research, os mercados emergentes devem apresentar um crescimento de 75% na adoção de conversores para TV Digital entre os anos de 2007 e 2012.

A pesquisa indica que, em quatro anos, 900,3 milhões de residências no mundo terão decodificadores de TV Digital. A IMS projeta ainda que, nesse período, o número de domicílios com TV digital aberta ultrapasse aqueles que possuem TV com recepção via satélite.

*Os jornalistas viajaram a convite da Intel