Após saída de Musk, Tesla anuncia nova presidente de conselho

Da Redação
08 de novembro de 2018 - 17h15
Com passagens pela Toyota e Sun, a executiva Robyn Denholm foi a escolhida para substituir Musk, que continua como CEO da fabricante.

A Tesla anunciou nesta quarta-feira, 7/11, em seu blog oficial, que Robyn Denholm (foto abaixo) é a mais nova presidente do seu conselho de diretores. Com isso, a executiva, que já fazia parte do conselho da Tesla desde 2014, deixará de atuar como CFO e diretora de estratégias da empresa australiana de telecomunicações Telstra. 

Robyn irá substituir o CEO da Tesla, Elon Musk, que teve de abandonar a presidência do conselho da companhia a após ser processado pela SEC (Comissão de Valores Mobiliários dos EUA) por conta de posts no Twitter sobre uma possível saída da fabricante da bolsa de valores. Pelo acordo com o órgão do governo americano, Musk, que não poderá voltar a ocupar o cargo em questão pelos próximos três anos, também terá de pagar uma multa de 20 milhões de dólares – mas continuará atuando como CEO da empresa. 

robyntesla.jpg

“Acredito nesta empresa. Acredito na sua missão e estou ansiosa em ajudar Elon e a equipe da Tesla em alcançar lucratividade sustentável e impulsionar valores de longo prazo para os acionistas”, afirmou Robyn em comunicado publicado pela Tesla. Além da Telstra, Robyn já passou por companhias como Sun Microsystems, Juniper Networks e Toyota.

No texto, Musk destaca a “extensa experiência” de Robyn nos segmentos de tecnologia e automotiva, além das suas “contribuições significativas” para o conselho da Tesla ao longo dos últimos quatro anos.