Google admite que gostaria de ter comprado o site GitHub

Da Redação
29 de junho de 2018 - 10h00
"Não teria me importado em comprá-los, mas está tudo bem", afirmou executiva da gigante de buscas. Microsoft comprou plataforma por US$7,5 bilhões.

Comprado pela Microsoft no início de junho por 7,5 bilhões de dólares, o repositório on-line GitHub poderia ter ido parar nas mãos de outra gigante do mercado de tecnologia.

Segundo informações da Bloomberg, a diretora de cloud do Google, Diane Greene, sugeriu recentemente que a gigante de buscas também estava interessada na aquisição. “Não teria me importado em comprá-los, mas está tudo bem”, afirmou a executiva durante um evento recente da revista Fortune.

A afirmação de Greene parece ir de encontro com informações publicadas recentemente pela CNBC. “Representantes do Google também estavam conversando com a companhia sobre uma aquisição nas últimas semanas, de acordo com pessoas próximas da negociação”, afirmou a rede norte-americana em uma reportagem publicada em 5 de junho, logo após o anúncio da compra pela Microsoft.

A própria CNBC ainda sugere que o fundador do GitHub, Chris Wanstrath, teria decidido fechar a venda para a Microsoft por conta da sua relação com o CEO da empresa de Redmond, Satya Nadella.

A executiva do Google também mostrou preocupação sobre o futuro do GitHub, uma vez que a gigante hospeda diferentes projetos no repositório on-line. “Realmente espero que a Microsoft consiga mantê-los totalmente neutros”, afirmou Greene.

> Acompanhe o IDG Now! também nas redes sociais. Estamos no FacebookTwitter Instagram