Apple é pela 8ª vez consecutiva a marca mais valiosa do mundo

Da Redação
24/05/2018 - 11h06
Lista das 5 mais da Forbes é liderada por outras gigantes de tecnologia: Google, Microsoft, Facebook e Amazon; Netflix e PayPal estão entre as empresas que mais valorizaram em 2018

A Apple, pela oitava vez consecutiva, detém o título de marca mais valiosa do mundo da lista da Forbes. A fabricante de iPhones, iPad e Macbooks teve uma valorização de 8% em relação ao ano passado e a marca da maçã atualmente vale cerca de US$ 183 bilhões. Outra lista de peso, dessa vez da Fortune, também colocou a Apple recentemente como a empresa mais valiosa do mundo - seu valor de mercado superou os US$ 921 bilhões.

A lista de 2018 da Forbes ressalta o valor que grandes empresas de tecnologia adquiriram junto aos consumidores e fãs de suas marcas. Afinal, poucas empresas podem se vangloriar de conseguir vender um smartphone a 999 dólares, no caso o iPhone X, como a Apple o fez neste ano tendo vendido 29 milhões de unidades em menos de dois meses. No top cinco da Forbes de 2018 entram Google, Microsoft, Facebook e Amazon.

O Google, que se encontra na segunda posição tem se mantido no ranking das cinco mais por três anos seguidos, com o valor atual de sua marca valendo US$ 132,1 bilhões, uma valorização de 30% em relação ao ano passado. O popular motor de buscas, que é o que movimenta a companhia, conta com a concorrência da Bing, Microsoft, o Yahoo e a chinesa Baidu, entretanto, as marcas concorrentes não têm sido páreo para o Google, já que o buscador detém 80% da fatia de seu mercado. 

Apesar do escândalo envolvendo o uso indevido de milhões de dados de usuários do Facebook pela Cambridge Analytica, o Facebook tem mantido a boa reputação de sua marca. De acordo com a Forbes, a empresa de Mark Zuckerberg teve uma valorização de 29%, com sua marca valendo US$ 94.8 bilhões.

O conglomerado de Jeff Bezos jogou sombra na Coca-cola neste ano. Isso porque a entrada da Amazon na lista das marcas mais valiosas do mundo foi a única mudança no top 5 deste ano. A tradicional marca de refrigerante valorizou cerca de 2% para US$ 57,3 bilhões em 2018, mas a Amazon superou a linha batendo os US$70.9 bilhões, valorizando 31%.

De acordo com a Forbes, as duas marcas que mais valorizaram em 2018 na lista das 100 mais também são empresas de tecnologia. A Netflix (US$ 11,5 bilhões, crescendo mais de 35%) e a PayPal (US$ 7,5 bilhões, crescendo mais de 33%). 

A Forbes avaliou mais de 200 marcas globais para determinar a sua lista final. Para tal, a Forbes exigia que as empresas avaliadas tivessem a presença nos Estados Unidos, dessa forma gigantes chinesas como a Alibaba e a Tencent ficaram de fora.