Apple faz acordo com UE para pagar US$15,4 bilhões em impostos para Irlanda

Da Redação
05/12/2017 - 14h38
No entanto, o governo do país e a empresa de Cupertino estão apelando a decisão da Comissão Europeia.

A Apple fechou um acordo com a União Europeia para pagar um total de 15,4 bilhões de dólares (13 bilhões de euros) em taxas de volta para a Irlanda, segundo informações do Wall Street Journal.

No entanto, vale lembrar que a decisão original sobre o pagamento foi publicada no ano passado pela Justiça. O próprio governo da Irlanda vinha resistindo até então a receber esse valor, que deve começar a ser pago pela Apple no primeiro trimestre de 2018.

Isso porque o país utiliza a cobrança de impostos extremamente baixos justamente como uma maneira de atrair investimentos de empresas estrangeiras, como a Apple, que chegou a pagar apenas 0,005% sobre todo o seu lucro na Europa entre 2003 e 2014 com a ajuda de subsidiárias pelo continente.

Tanto a Apple quanto o governo da Irlanda estão apelando da decisão do pagamento desse valor bilionário. “Temos uma equipe dedicada trabalhando prontamente e com a Irlanda no processo iniciado pela Comissão Europeia”, afirmou a Apple, em um comunicado enviado ao WSJ.