Crossover recrutará programadores em POA com salários de R$321 mil ao ano

Da Redação
26/10/2017 - 18h32
Após sucesso de torneios de contratação em SP e RJ, empresa global de recrutamento e tecnologia vai à capital gaúcha selecionar especialistas em codificação

A Crossover, empresa de recrutamento e tecnologia com sede no Texas (EUA), realiza no próximo mês, em Porto Alegre, competição de um dia por meio da qual especialistas brasileiros em codificação poderão ganhar uma das vagas para até 50 empregos remotos de engenheiros de software sênior, com a possibilidade de um salário anual de até R$ 321 mil.

O evento será realizado no dia 12 de novembro em local a ser informado somente para os participantes da competição. Os cargos disponíveis são todos em empresas de software dos EUA que procuram programadores em .Net, Java ou Ruby on Rails.

A empresa norte-americana começou este ano organizando eventos de contratação na Europa, África e Ásia, antes de vir à América Latina em julho. No Brasil, a Crossover já realizou competições em São Paulo e Rio de Janeiro. O torneio em São Paulo atraiu 133 programadores e ofereceu instantaneamente aos especialistas em Java Script que se destacaram empregos remotos e de alto padrão. O evento inseriu mais de US$ 2 milhões para a economia do país em apenas 24 horas, levando a Crossover a retornar um mês depois para sediar um evento ainda mais lucrativo, desta vez, no Rio de Janeiro.

No Rio, engenheiros de software sênior também foram oferecidos imediatamente trabalhos remotos com salários de R$ 321 mil ao ano. Com estes profissionais, a Crossover agora soma mais de 300 desenvolvedores de software sênior contratados em todo o mundo.

"Nós apreciamos os resultados fenomenais no Brasil até agora e com o sucesso dos eventos em São Paulo e no Rio, decidimos voltar, desta vez a Porto Alegre", disse Andy Tryba, CEO da Crossover. "Assim como em nossos eventos anteriores, usaremos nosso processo transparente, gamificado e competitivo para encontrar as melhores pessoas".

O torneio de um dia será realizado dentro de 24 horas do final da Conferência de Desenvolvedores de Porto Alegre, um dos maiores eventos de codificação do Brasil e do qual a Crossover é patrocinadora.

Semelhante a um "hackathon", eles envolvem profissionais seniores – principalmente engenheiros de software – para uma série de testes básicos, alguns desafios de codificação, e uma entrevista técnica. Para aqueles que se destacam com os melhores resultados são oferecidos, instantaneamente, um trabalho remoto com empresas americanas, como Aurea Software, Jive, CrazyEgg e Versata.

Todos os cargos são de período integral e de longa duração, e os contratados devem trabalhar 40 horas por semana em horário flexível. Os funcionários podem, por exemplo, aproveitar a tarde de uma quinta-feira para fazer um churrasco, tirar folga na sexta-feira e trabalhar mais no sábado; ou trabalhar durante a noite e dormir durante o dia.

Os programadores com a experiência necessária em NET, Java ou Ruby on Rails e interessados em participar do torneio de contratação devem se inscrever no site: http://bit.ly/2yDTKru. Os assentos no evento são limitados para 200 pessoas.