Startup mineira cria plataforma de crowdsourcing para uso corporativo

Da Redação
28 de maio de 2015 - 18h47
A plataforma PremioIdeia, criada pela Progolden, permite a empresas e instituições públicas lançarem desafios com prêmios para boas ideias

O conceito de crowdsourcing, que basicamente significa buscar na multidão ideias para resolver problemas ou criar novos produtos, é cada vez mais utilizado no mercado corporativo e já representa um mercado de bilhões de dólares. Uma das suas vantagens para as empresas é trazer visões "fora da caixa" de problemas que quem está dentro da companhia muitas vezes não consegue ter.

Uma startup mineira, a Progolden, criou uma plataforma para ser usada por empresas ou instituições para criar concursos e consultas públicas que possam atrair as pessoas a contribuir com suas ideias para solucionar problemas e concorrer a prêmios por elas. 

A ferramenta, chamada PrêmioIdeia (premioideia.com), vem sendo usada por várias instituições para encontrar, na multidão, saídas inovadoras para problemas. Ela permite criar um concurso, divulgar e captar as ideias e depois premiar as mais votadas pela própria audiência. Depois de enviadas as ideias são curtidas , comentadas e compartilhadas. A cada interação, o autor da ideia acumula pontos para disputar prêmios.

O PrêmioIdéia foi usado recentemente pelo 8º Batalhão da Polícia Militar de Minas Gerais, em Lavras, que solicitou a população que enviasse sugestões para melhorar a segurança nas cidades. Uma das ideias implantadas  foi  a utilização de um drone para vigilância em locais inacessíveis ou perigosos. A idéia foi implantada, e o uso do drone para vigilância aumentou a segurança da cidade, devendo ser implantado em outras cidades.

A plataforma também foi usada pelo MEC que conseguiu amealhar 18.277 sugestões de formas para economizar água e energia elétrica nas instituições de ensino federais. Durante o projeto, a ferramenta  teve um milhão de comentários e 2 milhões de curtidas. As sugestões, depois de avaliadas, geraram uma cartilha que disponibilizou  as ideias que estão sendo utilizadas pelas universidades e instituições de ensino federal com sucesso.

A Progolden, é uma startup em processo de incubação pela IMBATEC da Universidade Federal de Lavras-UFLA, criada para desenvolver ferramentas  e prestar consultoria em gestão e governança e tem como sócios os professores e funcionários da UFLA,  André Zambaldi, Renato Rezende, Everton de Almeida e Daniel Facheti.