'Rei do Spam' foge da prisão no Colorado

IDG News Service/EUA
22/07/2008 - 18h45
São Francisco - Eddie Davidson foi condenado a 21 meses por disseminar spam para empresas.

O spammer Eddie Davidson, conhecido como 'Rei do Spam', fugiu da prisão de segurança-mínima no Estado do Colorado, Estados Unidos, no domingo (20/07), divulgou o Departamento de Justiça norte-americano nesta terça-feira (22/07).

Davidson, de 35 anos, foi condenado a 21 meses de prisão por disseminar spams criminais em dezembro. Ele estava  detido no Complexo Correcional Federal Florence, ao sul de Colorado Springs. Agora é considerado fugitivo e passará a ser perseguido pelas polícias local, internacional e pelo FBI.

Davidson ganhou milhões de dólares entre 2003 e 2006 por uma operação de spam chamada Power Promotors, fora de sua casa. Ele modificava o cabeçalho das mensagens eletrônicas para simular remetentes de companhias legítimas como AOL e então enviava os e-mails a milhares de endereços.

O spammer enviou as mensagens em nome de uma empresa de Houston e foi convidado a promover cerca de 19 empresas, incluindo uma chamada Advanced Power Line Technologies em 2006 e 2007. Ele iria ganhar dinheiro baseado no volume de fluxo comercial das ações que promovia.

O negócio foi lucrativo: A empresa de Houston pagou a ele aproximadamente 1,4 milhão de dólares por seus serviços, segundo os documentos do julgamento. Entre 2003 e 2006, quando sua fonte primária de recursos era o spam, Davidson chegou a receber um total de 3,5 milhões de dólares.

Robert McMillan, editor do IDG News Service, dos EUA