Anatel começa a bloquear celulares piratas em 10 estados no sábado (8/12)

Da Redação
04 de dezembro de 2018 - 15h00
Após DF e Goiás, agência aperta o cerco contra aparelhos irregulares em locais como Rio de Janeiro, Paraná, Santa Catarina, Mato Grosso e Tocantins

A Anatel inicia neste sábado, 8/12, começará o bloqueio de celulares irregulares em mais 10 estados do Brasil. O objetivo da ação é combater o uso de aparelhos falsificados ou com IMEI adulterado, destaca o órgão em seu site.

A partir do próximo dia 8, a Agência Nacional de Telecomunicações vai bloquear dispositivos irregulares nos estados do Acre, Espírito Santo, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Rondônia, Santa Catarina e Tocantins.

Desde o último dia 23 de setembro, a Anatel já envia uma mensagem de aviso para quem ativa um celular irregular nas redes móveis dos estados citados acima. Na véspera do bloqueio, o usuário recebe uma outra mensagem com os seguintes dizeres: “Operadora avisa: Este celular IMEI XXXXXXX [número do IMEI] é irregular e deixará de funcionar nas redes celulares”.

Vale destacar que a Anatel deu o pontapé inicial desta iniciativa contra celulares irregulares no último mês de maio, quando passou a bloquear aparelhos piratas ou com IMEI adulterado no Distrito Federal e em Goiás, onde já foram excluídos das redes das operadoras 103 mil dispositivos, de acordo com o órgão.

A partir de 24 de março de 2019, a Anatel vai começar a bloquear os celulares irregulares nos estados da Região Nordeste e demais estados das regiões Norte e Sudeste – nesses locais, a medida valerá para aparelhos habilitados a partir de 7 de janeiro.