Trump sugere que Apple produza dispositivos nos EUA para evitar tarifas

Da Redação
10 de setembro de 2018 - 17h35
Com isso, afirma o presidente, a empresa de Cupertino poderia evitar as novas taxas propostas pelo seu governo a produtos importados da China

O presidente norte-americano, Donald Trump, voltou a sugerir nesta semana que a Apple transfira suas unidades de produção da China para os Estados Unidos.

A afirmação do politico acontece em meio a uma disputa comercial entre os dois países e logo após a Apple afirmar que as tarifas propostas pelos EUA para a China poderiam aumentar os preços finais de alguns dos seus produtos, como Apple Watch, AirPods e HomePod – a empresa enviou uma carta sobre o assunto para a US Trade Representative na última semana.

“Os preços da Apple podem subir por conta das tarifas pesadas que podemos impor à China – mas há uma solução fácil em que não haveria NENHUMA tarifa, mas sim um incentivo fiscal. Produza seus dispositivos nos EUA, em vez da China. Comece a construir novas fábricas agora. Excitante!”, afirmou Trump em seu perfil no Twitter.

Conforme reportagem do The Verge, essas taxas propostas pelo governo norte-americano adicionariam uma tarifa de 25% aos produtos em si ou aos componentes usados em sua fabricação, o que resultaria em preços mais altos.

Apesar de a Apple fabricar alguns produtos nos EUA, como o Mac Pro, a maioria dos dispositivos da empresa de Redmond são produzidos na China em parceria com companhias como a Foxconn.