Galaxy S7 é vulnerável à falha Meltdown, segundo pesquisadores

Da Redação
09 de agosto de 2018 - 09h00
Especialistas da Graz Technical University, na Áustria, apresentam suas descobertas sobre o smartphone da Samsung durante a conferência Black Hat, nos EUA.

O smartphone Samsung Galaxy S7 é vulnerável à falha de microchip Meltdown, segundo pesquisadores da Graz Technical University, na Áustria. As informações são da Reuters. Até então, acreditava-se que o smartphone lançado em 2016 pela fabricante sul-coreana era imune à vulnerabilidade revelada no início deste ano.

Conforme a agência de notícias, os especialistas da instituição austríaca alegam ter descoberto uma maneira de explorar a Meltdown para atacar o S7. Eles planejam apresentar oficialmente suas descobertas nesta quinta, 9/8, durante a conferência de segurança Black Hat, em Las Vegas. 

“Potencialmente existem ainda mais telefones afetados que ainda não sabemos. Existem potencialmente centenas de milhões de aparelhos por aí que são afetados pela Meltdown e podem não ter recebido patches porque as fabricantes não sabem disso”, afirmou o pesquisador Michael Schwarz, à Reuters.

De acordo com a agências, a Samsung afirmou que liberou patches de segurança para proteger o Galaxy S7 contra o Meltdown ainda em janeiro deste ano – essa correção foi seguida por um update de segurança mais recente, em julho. “A Samsung leva a segurança muito a sério e nossos produtos e serviços são desenvolvidos com a segurança como prioridade”, afirmou a empresa sul-coreana em comunicado.