Apple e Samsung finalmente chegam a um acordo sobre disputa de patentes

Da Redação
28/06/2018 - 10h17
Companhias, entretanto, não divulgaram termos do acordo; Apple acusava Samsung de plagiar o design do iPhone desde 2011

A longa disputa de patentes entre Apple e Samsung parece, finalmente, ter chegado a um fim nessa quarta-feira (27/06). Segundo documentos judiciais, as duas gigantes de tecnologia chegaram a um acordo. Os termos deste não foram divulgados.

O acordo encerra uma batalha que iniciou ainda em 2011, quando a Apple acusou a Samsung de violar patentes do design do iPhone. A companhia cofundada por Steve Jobs alegava que a fabricante sul-coreana teria copiado o visual do seu smartphone quanto a sua forma retangular, as bordas arredondadas e os ícones coloridos enfileirados na tela, além de duas patentes utilitárias.

O advogado da Apple, Bill Lee, argumentava que as patentes de design fizeram do iPhone o que revolucionou o mercado - e por isso - exigia que a Samsung pagasse o valor que seria, em suma, o equivalente ao lucro que a sul-coreana obteve com a venda do Galaxy S, no caso 1 bilhão de dólares. A Samsung recorreu.

Em maio, a última notícia sobre o caso era a de que um júri dos Estados Unidos decidiu que a sul-coreana deveria, por fim, pagar 539 milhões de dólares à Apple pela violação das patentes. A Samsung já havia pago 399 milhões e precisaria fazer um pagamento adicional à Apple de quase 140 milhões se a decisão fosse mantida.

Entretanto, como os termos do acordo dessa quarta-feira não foram divulgados pelas duas empresas, não se sabe ao certo se a Samsung concordou em pagar o valor adicional ou não.

> Acompanhe o IDG Now! também nas nossas redes sociais, estamos no FacebookTwitter e Instagram