Amazon inaugura sua primeira loja física sem caixas e atendentes em Seattle

Da Redação
22/01/2018 - 15h12
Loja foi aberta ao público geral nesta segunda. Para comprar, clientes não precisam passar por filas e caixa, compras são automaticamente registradas em app

A Amazon abriu nesta segunda-feira (22) a sua loja de conveniências que não possui caixa registradora e tampouco atendentes para registrar suas compras. 

A chamada Amazon Go passou por mais de um ano de testes antes de inaugurar em Seattle, sede da gigante do varejo online, para clientes gerais. Isso porque a loja já funciona desde 2016, mas suas portas estavam restringidas aos funcionários da companhia. 

Como funciona

Quem visitar a loja de 167 metros quadrados, deve saber que será monitorado por sensores o tempo todo. Isso porque são eles e câmeras habilitadas com visão computacional os responsáveis por registrar aquilo que você pega da prateleira ou devolve. 

Para descobrir quem cobrar e quanto, a Amazon identifica seus compradores ao escanear seus QR code e ao passarem por uma catraca fechada. 

Os clientes são cobrados após deixarem a loja usando o cartão de crédito registrado no aplicativo da Amazon. Aliás, importante dizer que clientes só terão uma experiência de compra na Amazon Go caso tenham o aplicativo em questão instalado em seus smartphones.

Sem filas

A Amazon se tornou a maior varejista online do mundo e seu poder de disrupção se estende a uma série de iniciativas para entender e atender um consumidor em tempos digitais, incluindo a criação de uma loja física.

Ao entregar uma loja que não possui caixa registradoras, a Amazon retira da equação uma das coisas mais chatas da experiência da compra, digamos, tátil: as filas. 

A companhia não informou ainda se abrirá novas unidades da Go, mas reforçou que não planeja levar a tecnologia para as maiores e mais complexas lojas da Whole Foods Market. No ano passado, a Amazon comprou a rede de supermercados de alto padrão por US$ 13,7 bilhões.