Celulares bloqueados por roubo ou perda superam os 9 milhões no Brasil

Da Redação
11 de dezembro de 2017 - 17h45
Segundo dados da Anatel, foram mais de 1,5 milhão de pedidos nos últimos 12 meses no país.

Imagem: Luiz Mazetto

Mais de nove milhões de celulares já foram bloqueados no Brasil por furto, roubo ou perda, segundo dados divulgados no final de semana pela Anatel.

No total, o Cadastro Nacional de Estações Móveis Impedidas (Cemi) registrou 9.123.567 de telefones celulares bloqueados em novembro, um aumento de 1,33% (119 mil unidades) em relação a outubro.

Nos últimos 12 meses, mais de 1,5 milhão de celulares foram bloqueados em decorrência de roubo, furto ou perda, na comparação com novembro de 2016, conforme dados do Cemi, que é supervisionado pela Anatel, operacionalizado pela ABRTelecom e implementado pelas operadoras.

O pedido de bloqueio do celular roubado ou perdido pode ser feito de forma direta pelos usuários às empresas telefônicas ou por meio do registro de Boletim de Ocorrência nas polícias dos estados e do Distrito Federal, informando o número do telefone e do IMEI, espécie de RG do aparelho.