Uber anuncia fusão com aplicativo rival na Rússia

Da Redação
13 de julho de 2017 - 15h43
Avaliada em US$3,725 bilhões, nova empresa formada pelo Uber e pela divisão de táxis do serviço de buscas Yandex vai atuar em mais de 120 cidades da região.

Cerca de um ano após vender sua operação na China para a concorrente Didi Chuxing, o Uber anunciou nesta semana a fusão com um aplicativo rival na Rússia. 

Desta vez, o serviço de transporte particular vai se unir com o serviço de táxis da plataforma russa de buscas Yandex, conhecida como ‘Google da Rússia’, que vai ficar com uma fatia maior da nova empresa, avaliada em 3,725 bilhões de dólares.

Pelo negócio, a Yandex vai investir 100 milhões de dólares para ficar com 59,3% da nova companhia, enquanto que o Uber investirá mais do que o dobro disso, 225 milhões de dólares, para receber uma participação de 36,6%. 

A nova empresa resultante da fusão entre Yandex e Uber vai atuar em um total de 127 cidades de 6 países da região, incluindo Rússia, Azerbajão, Armênia, Kazaquistão, Belarus e Georgia.

“Combinar o nosso negócio com a Yandex nos dará uma fatia muito significativa de uma nova empresa que inicialmente realizará mais de 35 milhões de viagens por mês”, afirmou o Uber em um comunicado sobre a fusão.