Novos Moto G5 chegam ao Brasil com preços a partir de R$1 mil

Da Redação
07/03/2017 - 10h30
Apresentados oficialmente no último dia 26/2 durante o MWC 2017, em Barcelona, Moto G5 e Moto G5 Plus já estão disponíveis no mercado brasileiro.

Apresentados pela Lenovo no final de fevereiro durante o Mobile World Congress, em Barcelona, os novos smartphones Moto G5 e G5 Plus foram apresentados oficialmente no Brasil nesta terça-feira, 7/3, durante evento para a imprensa em São Paulo.

Disponíveis a partir de hoje no mercado brasileiro, os novos modelos da linha Moto G, que é campeã de vendas no país, desembarcam por aqui com preços entre 999 reais, para o modelo de entrada, e 1.499 reais, para o mais completo Moto G5 Plus.

As duas versões apresentam algumas semelhanças. Ambas rodam Android 7.0 (Nougat) e deixam o corpo traseiro de plástico para assumir um elegante design metálico, o que torna os novos aparelhos mais parecidos com a linha Moto Z. O Moto G5 traz tela Full HD de 5 polegadas, enquanto o seu irmão traz tela ligeiramente maior, com 5,2 polegadas. Os dois estarão disponíveis nas cores prata e dourado.

Os aparelhos apresentam botão físico que também atua como leitor de impressão digital. As diferenças mais cruciais entre os aparelhos dizem respeito a suas fichas técnicas, claro.

Enquanto o G5 traz o processador octa-core Snapdragon 430 da Qualcomm, o Plus sai à frente com o Snapdragon 625.  Nenhum deles usa sistema dual em sua câmera Hal 9000, porém a câmera do G5 conta com boa resolução de 13 MP e abertura  f/2.0, e apesar de reduzir sua resolução para 12 MP, o G5 Plus compensa ao apresentar abertura de foco a 1.7. Ambos trazem câmara frontal de 5MP para selfies. 

Quanto à memória, a versão mais simples do G5 apresenta 16GB ou 32GB de armazenamento interno (expansível via microSD) e uma bateria de 2.800 mAh com suporte para carregamento turbo. 

O Moto G5 Plus ainda possui tela com proteção Gorilla Glass 3, memória RAM com 2GB ou 3GB, 32GB ou 64GB de armazenamento interno (também expansível com microSD), uma bateria de 3.000 mAh e app e sintonizador de TV digital HD.

O G5 Plus apresenta um ajuste interessante, que a Motorola chama de "One Nav Botton" que permite navegar através das telas usando o leitor de impressões digitais.  

Os aparelhos não são resistentes à agua, porém possuem revestimento à prova de respingos para você não precisar se preocupar caso comece a chover. A fabricante ainda disse que alguns mercados contará com NFC para pagamentos móveis, não especificando quais. 

Desde que foi comprada pela Lenovo, a Motorola tem se arriscado ao apostar em aparelhos como o Moto Z, que permite acrescentar os chamados mods, acessórios modulares que quando se conectam com o aparelho, aumentam recursos como bateria, alto-falante e câmera. 

 

Durante o MWC, a companhia prometeu aumentar o número de mods disponíveis para usuários e apresentou conceitos para fazer do Moto Z console de games e até mesmo um robô para fins educacionais.