Ainda vale lançar um feature phone em 2016? A Positivo acha que sim

Luiz Mazetto
03 de março de 2016 - 16h29
Com novo modelo P28 chegando às lojas, fabricante brasileira revela que modelos básicos respondem por 46% das suas vendas de celulares.

Comprar um celular básico em 2016 pode parecer estranho para muita gente, mas ainda há mercado para isso no Brasil. Quem garante é a Positivo, que acaba de apresentar um novo aparelho desse tipo.

Segundo a fabricante brasileira, os feature phones responderam por nada menos do que 46,9% das suas vendas totais de celulares no terceiro trimestre de 2015. “Notamos também, pelos números da IDC, que o segmento vem se mantendo estável com cerca de 1 milhão de aparelhos vendidos em cada um dos últimos três trimestres”, aponta o gerente de mobilidade da Positivo, Cristiano Carvalho de Freitas.

Com isso em mente, a companhia acaba de lançar no país o Positivo P28, feature phone com tela de 2,8 polegadas e um teclado anatômico com telas maiores, que a empresa aponta como diferenciais do produto.

A Positivo diz ainda ter feito estudos com consumidores, que mostraram que os celulares mais básicos são “os favoritos de um percentual relevante da população”. No entanto, a companhia não revela qual esse número, citando apenas que usuários de terceira idade costumam preferir feature phones pela maior facilidade de uso.

Fabricado na China, o P28 chega às redes varejistas do país no próximo dia 28/3 e fará companhia a outros dois feature phones do portfólio da Positivo, o P20 e o P30.

Primeiro smartphone

Apesar disso, a Positivo continua apostando alto no mercado de smartphones no Brasil, que devem registrar queda de pelo menos 8% nas vendas, segundo a IDC.

Pensando nesses dados e na crise econômica pela qual o Brasil passa, a Positivo apresenta nesta semana um novo smartphone de entrada. Chamado de Positivo One, o aparelho custa 430 reais, possui configurações simples e busca ser “o primeiro smartphone do usuário”, como aponta Cristiano. Ou seja, um aparelho para quem está fazendo a transição entre feature phones e smartphones. 

As especificações do aparelho dual SIM incluem Android Lollipop (sem previsão para receber o Marshmallow), tela de 4 polegadas,  processador dual-core de 1.3GHz, 8GB de espaço para armazenamento (expansível para até 32GB via cartão microSD), câmeras frontal de 1.3MP e traseira de 3.2MP, 512MB de RAM, conectividade 3G, Wi-Fi e Bluetooth 4.0.