WhatsApp deixa de cobrar taxa de US$1 e passa a ser totalmente gratuito

Luiz Mazetto
18/01/2016 - 10h57
Aplicativo de mensagens do Facebook cobrava taxa anual de novos usuários. Empresa possui quase 1 bilhão de usuários pelo mundo.

O WhatsApp anunciou nesta semana que vai deixar de cobrar a taxa anual de um dólar para novos usuários após 12 meses – a cobrança era adotada há alguns anos.

“À medida que crescemos, descobrimos que essa abordagem não funcionou bem. Muitos usuários do WhatsApp não possuem cartões de crédito ou débito e ficaram preocupados que poderiam perder contato dos seus amigos e familiares após o primeiro ano”, afirmou a empresa em seu blog.

Comprado pelo Facebook em 2014, o WhatsApp possui mais de 900 milhões de usuários ativos no mundo, segundo dados divulgados no final do ano passado.

De acordo com o WhatsApp, as diferentes tipos de cobranças do aplicativo serão removidas nas próximas semanas. No entanto, como aponta o Recode, os usuáriso que pagaram a anuidade recentemente não receberão um reembolso do valor pago.

Como os responsáveis pelo WhatsApp já manifestaram fortemente contra o uso de publicidade no aplicativo, dificilmente esse será o caminho escolhido pela companhia para monetizar o serviço, um dos mais usados pelo mundo.