Fabricante Swatch finalmente entra na guerra dos smartwatches

PC World / EUA
06/02/2015 - 11h03
Segundo CEO da empresa, aparelho chegara ao mercado dentro de três meses e será compatível com aparelhos Android e Windows. Dispositivo não precisará ser recarregado.

Quando o Apple Watch for lançado no próximo mês de abril, a fabricante de Swatch já terá uma respostas no mercado.

O CEO da gigante suíça, Nick Hayek, disse para a Bloomberg que a empresa começará a vender o seu próprio smartwatch dentro de três meses. Apesar de Hayek não ter revelado detalhes, o executivo afirmou que o relógio inteligente permitirá pagamentos móveis, não precisará ser recarregado, e funcionará tanto com Android quanto com Windows.

Os comentários de Hayek sugerem que o relógio não irá rodar o Android Wear (que só funciona com aparelhos Android). E se a bateria não precisará ser recarregada, é possível que o relógio não terá uma tela além de um LCD ou LED básico.

Combinado com os planos já anunciados da Swatch de adicionar recursos fitness aos seus relógios, podemos esperar um aparelho mais básico com alguns recursos inteligentes – de forma parecida com relógios da Martian e da Withings – em vez de computadores quase completos no seu pulso.

Ainda não está claro como os pagamentos móveis funcionarão pelo relógio, e a Bloomberg afirma que a Swatch ainda está conversando com as empresas sobre o assunto.

No ano passado, o site VentureBeat informou que a Swatch e a Apple estariam, na verdade, trabalhando juntas em um relógio – no entanto, a Swatch rapidamente negou essa informação.