Ericsson vai demitir 5 mil funcionários

IDG News Service/Suécia
21/01/2009 - 10h26
Estocolmo - Lucro líquido da fabricante sueca caiu quase pela metade em 2008.

A Ericsson, empresa sueca de telecomunicações, viu seu lucro despencar no quarto trimestre fiscal e vai demitir 5 mil funcionários, em uma tentativa de controlar seus gastos. A expectativa é economizar 10 bilhões de coroas suecas (1,2 bilhão de dólares) a partir do segundo semestre do próximo ano. Cerca de mil pessoas serão dispensadas na região de Estocolmo.

"Os cortes de funcionários comunicados pela matriz não se refletem no Brasil neste momento", afirma a subsidiária da Ericsson em um comunicado. "Eventuais reajustes no quadro de funcionários serão analisados, caso a caso, em cada mercado de atuação da Ericsson", diz a empresa.

Apesar de o faturamento da empresa ter crescido em 2008, os lucros caíram consideravelmente, informou a companhia. No ano passado, as vendas ficaram em 208,9 bilhões de coroas suecas, o que equivale a um crescimento de 11% em relação a 2007. O lucro, entretanto, foi de 11,3 bilhões de coroas suecas em 2008, quase metade do resultado de 2007, que foi de 21,8 bilhões de coroas suecas.

De acordo com o Chief Executive Officer da Empresa, Carl-Henric, a companhia está se preparando para tempos mais difíceis e fará tudo o que pode par defender sua atual posição no mercado. Ele não estimou um prazo para a recuperação da empresa.

Mikael Ricknäs, editor do IDG News Service, em Estocolmo