Facebook derruba 115 contas às vésperas das eleições nos EUA

Da Redação
06 de novembro de 2018 - 15h39
Companhia informou que contas no Facebook e Instagram mostraram aparente "comportamento coordenado inédito"

Nessa segunda-feira (5), às vésperas das eleições de meio-mandato nos Estados Unidos, o Facebook fechou 30 contas na rede social e mais 85 perfis no Instagram após autoridades americanas alertarem sobre vínculos com "entidades estrangeiras". 

Em comunicado, o Facebook informou que no domingo (4), as forças de segurança dos EUA entraram em contato com a companhia devido a "uma atividade online que tinham detectado recentemente e que acreditavam estar vinculada a entidades estrangeiras".

De acordo com o Facebook, todas as contas fechadas participavam de um aparente "comportamento coordenado inédito", apesar de não dar mais detalhes sobre o que seria tal comportamento e vocação.

"Bloqueamos imediatamente essas contas e agora estamos investigando com mais profundidade", disse o Facebook.

A maioria das 30 contas no Facebook estavam em francês e russo, enquanto as 85 do Instagram, em inglês. Algumas estavam focadas em celebridades e outras no debate político. 

A companhia segue dizendo que normalmente iria além em sua investigação, antes de anunciar algo publicamente. "Mas dado que estamos a um só dia de eleições importantes nos EUA, queríamos informar nossa ação e os fatos que sabemos", explicou.

O Twitter também interveio para derrubar perfis mal-intencionados no microblog tendo em vista as eleições norte-americanas. A empresa informou que apagou mais de 10 mil perfis automatizados que postavam mensagens desencorajando os eleitores a irem às urnas.