Falha de segurança no Facebook compromete 50 milhões de contas

Da Redação
28 de setembro de 2018 - 14h54
Segundo a rede social, invasores aproveitaram vulnerabilidade no recurso View As para roubar tokens de acesso de perfis.

O Facebook revelou nesta sexta-feira, 28/9, que hackers exploraram um problema de segurança da rede social para roubar tokens de acesso de milhões de contas. Segundo a companhia, cerca de 50 milhões de perfis foram afetados pelo exploit. 

Conforme um post feito pela empresa, que afirma já ter corrigido a vulnerabilidade, os invasores em questão exploraram uma vulnerabilidade no código da plataforma que impactou o recurso View As (Visualizar Como), que permite que os usuários vejam como os seus perfis aparecem para outras pessoas – a funcionalidade foi desabilitada temporariamente pela plataforma como medida preventiva.

“Isso permitiu que eles roubassem tokens de acesso do Facebook que eles poderiam usar para assumir as contas das pessoas. Os tokens de acesso são equivalentes a chaves digitais que mantém as pessoas logadas no Facebook de forma que elas não precisem redigitar suas senhas sempre que usam o aplicativo”, explica a companhia em seu blog.

Além das 50 milhões de contas que já se sabe que foram afetadas pelo problema, o Facebook também afirma que outras 40 milhões podem ter sido vítimas do mesmo ataque. Por conta disso, um total de 90 milhões de usuários da rede social terão de fazer login de novo na rede social nesta sexta, 28/9, seja no navegador ou em apps móveis, uma vez que a empresa os "deslogou" como forma de prevenção.

“Ainda não sabemos se essas contas foram mal utilizadas, mas continuamos investigando o assunto e vamos trazer atualizações assim que soubermos mais”, afirmou o CEO da empresa Mark Zuckerberg em um post sobre o assunto em seu perfil no Facebook.