Facebook nega pedido por dados financeiros e destaca parceria com bancos

Da Redação
07 de agosto de 2018 - 11h30
Em comunicado, rede social afirmou que não usa dados de compras para anúncios e destacou a oferta de serviços para os clientes dos bancos pelo Messenger.

O Facebook se pronunciou nesta semana para negar que tenha pedido por dados financeiros de usuários a bancos e instituições dos EUA para uso comercial ou com fins publicitários.

“Não usamos dados de compras dos bancos ou empresas de cartões de créditos para anúncios. Também não temos relacionamentos, parcerias ou contratos especiais com bancos ou companhias de cartão de crédito para usar os dados de compra dos seus clientes para anúncios”, afirmou a porta-voz da rede social, Elisabeth Diana, em comunicado enviado ao The Wall Street Journal.

O jornal americano publicou nesta semana uma reportagem que apontava que a empresa de Mark Zuckerberg teria conversando com instituições financeiras como JPMorgan Chase, Wells Fargo, Citigroup e US Bancorp ao longo do último ano sobre possíveis funcionalidades que poderia hospedar no Facebook Messenger para os clientes dessas companhias.

“O Facebook quer os seus dados financeiros. A gigante das redes sociais pediu a grandes bancos dos EUA que compartilhem informações financeiras detalhadas sobre seus clientes, incluindo transações com cartões e extratos de contas, como parte de um esforço para oferecer novos serviços para os usuários”, aponta a reportagem do WSJ, que cita “pessoas próximas do assunto” como fontes. 

Em comunicado enviado ao site Ars Technica, a porta-voz do Facebook, aponta que a rede social trabalha com as instituições financeiras para oferecer serviços de atendimento por meio das suas plataformas. 

“Como muitas outras companhias on-line com divisões comerciais, fazemos parcerias com bancos e empresas de cartões de crédito para oferecer serviços como chat para consumidores ou gerenciamento de conta”, disse, explicando que o recurso permite que os usuários recebam atualizações em tempo real no Messenger para se manterem atualizados sobre seus extratos, comprovantes e envios de produtos.