Amazon vende produtos nazistas, segundo relatório

Da Redação
10 de julho de 2018 - 18h00
Levantamento das organizações ACRE e Partnership for Working Families mostra que site comercializa desde roupas e acessórios até livros sobre ideologias de ódio.

A gigante de e-commerce Amazon ainda vende produtos relacionados a grupos de ódio e racistas, conforme um relatório recente intitulado Delivering Hate: How Amazon’s Platforms Are Used to Spread White Supremacy, Anti-Semitism, and Islamophobia.

Produzido pelas organizações Action Center on Race & the Economy (ACRE) e The Partnership for Working Families, o documento em questão encontrou uma variedade de produtos do tipo na Amazon dos EUA, incluindo desde brinquedos até roupas e acessórios com referências ao nazismo e grupos racistas.

A pesquisa também descobriu que a editora Counter-Current88, que defende a supremacia branca, possui 50 livros disponíveis no Kindle, incluindo títulos como Truth, Justice, and a Nice White Country; Trevor Lynch’s White Nationalist Guide to the Movies; e In Defense of Prejudice.

Conforme destaca o The Next Web, a lista de produtos declaradamente restritos pela Amazon inclui a bandeira dos estados confederados dos EUA (que ainda é vendida no site, apesar disso), mas não os já citados artigos ligados ao nazismo.

Além da relação sobre os diversos itens ligados ao nazismo e outros grupos de ódio vendidos pela Amazon, o relatório também reúne algumas recomendações para a empresa de Jeff Bezos lidar com o assunto.

“A Amazon deve adotar uma posição pública e clara contra movimentos de ódio e suas ideologias e prometer publicamente não lucrar com o ódio”, afirmam as organizações, que também pedem por políticas mais robustas da Amazon para combater a venda desses itens em sua plataforma.