4 maneiras que o Android Messages é melhor (e pior) do que o iMessages da Apple

Michael Simon, Greenbot
09 de julho de 2018 - 15h00
Google finalmente lançou ferramenta para web. Separamos algumas características que podem incentivá-lo a adotar a plataforma e outras que, talvez, possam frustrá-lo no dia a dia

O Google lançou um recurso que os usuários do Android desejam há muito tempo: o Messages para web. Finalmente, usuários do Android podem entrar em um navegador para enviar mensagens, assim como os usuários da Apple o fazem. Embora o recurso ainda esteja sendo implementado, ele já está na web e é fácil de usar. Para isso, siga os passos abaixo:

Faça o login em messages.android.com em qualquer navegador da web;

Abra o Android Messages no seu smartphone;

Toque no ícone de menu no canto superior direito;

Selecione Message for web;

Toque no botão Scan QR Code;

Segure o telefone até o navegador ler o código QR.

Após a conexão, as mensagens do telefone são sincronizadas com as da web e o usuário pode enviar e receber mensagens como se estivesse no smartphone.

Mas e aí, o sistema é tão bom quanto o da Apple? Aqui estão quatro argumentos a favor e quatro argumentos contra o Google:

A favor do Google

Ele funciona em todos os lugares

Embora seja necessário um Mac e um iPhone para aproveitar o iMessage, o Messages do Google para a Web funciona em qualquer lugar que tenha um navegador. Eu o testei com  Mac, o Pixelbook e o Galaxy S9. A pessoa ainda pode acompanhar todos os navegadores em que as mensagens estão conectadas, selecionando a opção Messages para web no menu.

Pode usar adesivos

Enquanto o iPhone apresenta um monte de coisas legais, incluindo adesivos, efeitos, aplicativos e Animoji , quem usa Mac tem somente texto e emoji. Já o Google fornece três botões úteis à direita do campo da mensagem: emoji, adesivos e anexos. A biblioteca de adesivos é bastante limitada por enquanto, mas deverá ser expandida.

Ele sincroniza rápido

O iMessages da Apple ganhou a sincronização em nuvem no último mês. Mas, ainda assim, não é tão instantâneo quanto o método do Google. Uma vez que você esteja conectado ao serviço Messages para a Web, as mensagens e conversas enviadas ou excluídas de um dispositivo serão refletidas instantaneamente no outro.

Há um 'dark mode''

android-messages-dark-mode

Os usuários da Apple estão finalmente obtendo um modo escuro no macOS Mojave , mas o Android Messages tem um agora. Para isso, basta clicar no botão de menu na barra lateral no lado direito e ir em Configurações . Ao clicar no botão Ativar Dark Mode, a interface inteira ficará preta.

Contra o Google

Não dá para fazer chamadas

O Messages da Apple no Mac está conectado às chamadas do FaceTime e Wi-Fi, para que o usuário possa iniciar rapidamente uma chamada de áudio ou vídeo com qualquer um dos seus contatos. Esse não é o caso do Messages do Google para web. Embora o aplicativo integre-se ao Duo e aos Contatos para permitir chamadas rápidas, a interface da Web é apenas de texto e provavelmente permanecerá assim.

Não dá para pesquisar mensagens

Tanto no aplicativo do Android quanto no iMessage do Mac, o usuário pode pesquisar rapidamente a conversa para encontrar mensagens antigas, mas não existe esse método na Web.

Uma janela do navegador de cada vez

O Messages do Google cria um link unidirecional entre o telefone e o navegador, portanto, não é possível fazer login em dois lugares ao mesmo tempo. Se o usuário esquecer de sair do PC ou apenas quiser abrir uma segunda guia no navegador, receberá uma mensagem perguntando onde deseja usar o recurso.

Notificações são inúteis

Embora o Android para web permita notificações e alertas de novas mensagens quando elas chegam, elas não dizem muito. Ao usar o Safari no Mac, o usuário verá apenas que tem uma nova mensagem, e não de quem é ou do que ela diz. Mesmo no Chrome OS, não é possível ver imagens ou responder sem passar para a janela do navegador.

>Acompanhe o IDG Now! também nas redes sociais.  Estamos no Facebook, Twitter e Instagram