Vídeo mais visto da história do YouTube é alterado em ataque hacker

Da Redação
10/04/2018 - 14h42
Imagem de exibição do clipe 'Despacito' trazia cena da série do Netflix 'La Casa de Papel'; Outros vídeos do canal Vevo também foram alterados; companhia confirmou brecha

O canal de vídeos Vevo do YouTube foi alvo de um ataque hacker nesta terça-feira (10). Alguns dos vídeos mais acessados do canal, incluindo o videoclipe "Despacito", de Luis Fonsi - que detém o título de mais visto da história do YouTube, tiveram algumas modificações e chegaram a sair do ar por algum momento. 

Segundo informações do The Verge, antes de serem retirados do ar, a imagem de exibição dos vídeos trazia uma cena da série do Netflix “La Casa de Papel”. Na descrição dos mesmos aparecia o nome de Prosox & Kuroi’SH.

Vídeos de Selena Gomez, Drake, Chris Brown, Shakira, DJ Snake e Taylor Swift , também teriam tido alterações em suas imagens de exibição. "Despacito" voltou ao ar ainda na manhã desta terça. Por um momento, informou-se que o vídeo teria perdido a contagem de suas visualizações, mas a exibição do título consta mais de 5 bilhões de views.

A alteração nos vídeos foi atribuída ao usuário do Twitter Prosox. Em sua página na rede social ele explicou suas ambições com o caso e disse se tratar de uma “brincadeira”: "Vevo, vocês têm todo meu respeito, mas não deixe o controle do seu site com qualquer desenvolvedor. Isso foi uma brincadeira. Se quiséssemos prejudicar seus clientes, nós poderíamos deletar todos os vídeos, mas eu não deletei Despacito. Acreditem em mim".

Em comunicado enviado ao The Verge, a Vevo confirmou a brecha de segurança. "A Vevo pode confirmar que um número de vídeos em seu catálogo ficou sujeita a uma brecha de segurança, que foi agora contida. Nós estamos trabalhando para reinstalar todos os vídeos afetados e nosso catálogo será restabelecido para funcionar em ordem. Estamos trabalhando para investigar a fonte da brecha.”