Mercado Bitcoin planeja investir R$ 10 milhões em segurança neste ano

Da Redação
27/03/2018 - 07h43
Como parte do investimento, corretora brasileira lançou programa de recompensas para especialistas encontrarem bugs na plataforma

O Mercado Bitcoin, principal corretora de moedas digitais do Brasil, quer recompensar usuários que encontrarem falhas nos sistemas utilizados pela plataforma. A corretora lançou o programa de Bug Bounty (recompensa por bugs) em parceria com a HackerOne.

Pelo acordo, um grupo de especialistas convidados está sendo desafiado a encontrar bugs na plataforma, que planeja investir R$ 10 milhões neste ano em segurança da informação e tecnologia.

Com a iniciativa, o Mercado Bitcoin torna-se a primeira corretora de criptomoedas da América Latina a realizar um programa de recompensas por bugs e passa a fazer parte de uma seleta lista de clientes globais da HackerOne, que incluem, entre outros parceiros, o U.S. Department of Defense (Departamento de Defesa dos Estados Unidos).

"Após essa primeira fase de Bug Bounty para parceiros convidados da HackerOne, queremos expandir o programa de recompensa por bugs para toda a comunidade", explica Galeno Garbe, CSO (Chief Security Officer) do Mercado Bitcoin. "Essa ação reforça nosso compromisso em ter a plataforma mais segura para negociações de moedas digitais do país e que contempla não só o que há de mais avançado em tecnologias e processos, mas também os melhores parceiros globais", complementa.

Atualmente, o Mercado Bitcoin conta com uma equipe de 25 profissionais dedicados exclusivamente às áreas de segurança da informação e tecnologia, mas tem planos de dobrar a equipe até o final de 2018.

O Mercado Bitcoin afirma que acaba de conquistar a marca de 1 milhão de clientes cadastrados e teve mais de R$ 4,5 bilhões negociados na plataforma em 2017, envolvendo três moedas digitais: Bitcoin, Litecoin e Bitcoin Cash. Para 2018, a corretora tem a expectativa de atingir 2,5 milhões de clientes e R$ 50 bilhões em negociações.

> LEIA MAIS

Bitcoin: o que é, como minerar e é possível ganhar dinheiro com a moeda?

Blockchain: como funciona a tecnologia por trás do Bitcoin

Brasileiros superam incertezas com bitcoin e veem na moeda diferencial nos negócios