Google lança no Brasil ferramenta para facilitar a busca de empregos

Da Redação
30/01/2018 - 14h06
Google Jobs já operava nos EUA desde julho do ano passado. Recurso emprega inteligência artificial para apurar vagas encontradas em outros sites

O Google lançou no Brasil nesta terça-feira (30) sua ferramenta para buscar empregos. O chamado Google Jobs usa a mesma experiência de busca para apresentar vagas disponíveis em um espaço dedicado nos resultados de pesquisa. 

Antes, ao procurar por oportunidades profissionais no buscador, você seria apresentado com uma lista de sites de empregos, como o LinkedIn e o Vagas.com. A partir daí, você acessaria cada site. Agora, a funcionalidade entrega as vagas em formato de cards, de forma semelhante ao que acontece com o Google Shopping. 

"Com uma taxa de 12% de desemprego no Brasil, segundo os últimos dados do IBGE, esperamos que a praticidade e simplicidade dessa nova experiência possa te conectar pessoas a empregos, não importa onde você esteja ou qual vaga tenha seu perfil", explica Nick Zakrasek, gerente de produto do Google no anúncio publicado no blog da companhia.

Como funciona

Usuários podem filtrar a busca por cargo, nome da profissão e ainda por localização - uma vez que a ferramenta é integrada ao Google Maps. Procure "trabalhos próximos a mim" e, talvez, você tenha a sorte de encontrar uma recolocação que não exija de você horas no trânsito.

Você ainda poderá filtrar suas buscas por tipo de jornada - integral ou meio período - por setor ou categoria. Caso você busque pelo primeiro emprego, você poderá ainda confessar ao buscador o seguinte termo: "empregos sem experiência prévia". 

Google-Jobs-Celular-1

O Google usou suas capacidades em machine learning para entregar o serviço aos usuários. Primeiro, a ferramenta remove todas as listas duplicadas das mesmas vagas que se encontram em diferentes sites, para depois classificá-las. Para estas, que aparecem em diferentes sites, o Google te direcionará para a página que for mais completa, onde você, então, poderá se candidatar.

A ideia aqui com o Google Jobs é que ao concentrar em um só lugar as diversas vagas disponíveis na Internet, a companhia consegue facilitar a vida daqueles que buscam se reposicionar no mercado de trabalho. Isso porque evita o trabalho de pesquisar em diferentes plataformas.

Durante o lançamento inicial, nos EUA, o Google disse que a iniciativa não pretendia "canibalizar" serviços semelhantes, dizendo que não pretendia desenvolver um serviço para competir com outras plataformas especializadas.

Crie alertas

Definido os seus filtros, você poderá selecionar a opção para receber uma notificação por e-mail quando novas vagas forem abertas. 

A iniciativa conta com parceiros como LinkedIn, Love Mondays, Empregos.com.br, OLX, Trampos.co e Vagas.com.br. "Isso significa que as vagas disponibilizadas nesses sites, e muitos outros, ficarão visíveis nas suas buscas assim que elas forem postadas", lembra Zakrasek.

O Google Jobs foi lançado em julho nos Estados Unidos e, de acordo com a companhia, desde então houve um aumento de 60% de empregadores mostrando suas vagas no buscador. 

"A América Latina é o primeiro mercado fora dos Estados Unidos a receber a experiência de empregos. No futuro, vamos adicionar novas ferramentas, filtros e mais informações para melhorar cada vez mais a experiência das pessoas em busca de uma posição no mercado de trabalho, para que este novo recurso do Google facilite e torne mais simples e efetiva a procura por um emprego", conclui Zakrasek.