Peter Thiel, primeiro grande investidor do Facebook, vende 73% de suas ações na empresa

Da Redação
23/11/2017 - 10h40
Cofundador do PayPayl já tinha vendido anteriormente o equivalente a US$ 1 bilhão de ações na rede social

O bilionário Peter Thiel, um dos primeiros e mais importantes investidores do Facebook, vendeu 73% de suas ações na rede social, segundo documentos enviados ao órgão regulador do mercado.

No total, o investidor, que é membro do conselho do Facebook, vendeu 160.805 ações por cerca de US$ 29 milhões. Ele já havia vendido anteriormente o equivalente a US$ 1 bilhão em ações.

Agora, Thiel fica com 59.913 ações Classe A da empresa cofundada por Mark Zuckerberg. 

Thiel, um dos fundadores do serviço de pagamento PayPal, se tornou investidor do Facebook em 2004 com um investimento inicial de 500 mil dólares. 

Vale lembrar que o bilionário foi o único grande nome do Vale do Silício a apoiar a candidatura de Donald Trump à presidência dos Estados Unidos. Na época, Zuckerberg foi pressionado a remover Thiel do conselho. No entanto, o CEO da rede social manteve sua cadeira citando a importância de ter diversidade de opiniões na companhia.

Sobre a venda de ações de Thiel, um representante da companhia disse à Reuters que trata-se de algo rotineiro e que não há nada de novo a acrescentar sobre a posição de Thiel no conselho.