Quase todas as vítimas do ransomware WannaCry rodavam Windows 7

Da Redação
19/05/2017 - 18h28
Máquinas com o sistema lançado em 2009 correspondem a 98% das vítimas afetadas pela ameaça na última semana.

O mega ataque com o ransomware WannaCry, que causou barulho e problemas pelo mundo no último final de semana, atingiu principalmente máquinas com o sistema Windows 7, de acordo com dados publicados nesta sexta-feira, 19/5, pela empresa de segurança Kaspersky Lab.

Segundo a Kaspersky, aproximadamente 98% dos computadores infectados pelo ransomware na última semana rodavam alguma versão do Windows 7 – menos de um em cada mil máquinas rodavam o Windows XP. 

Os clientes do Windows 2008 R2 Server também foram afetados pela ameaça, respondendo por pouco mais de 1% do total de máquinas Windows atingidas pelo WannaCry.  

Apesar de já ser esperado que a infecção afetasse principalmente versões antigas do Windows, chama a atenção a disparidade entre como foram atingidos os usuários do Windows 7 e do XP.  

Pouco após o WannaCry ganhar as manchetes, a Microsoft liberou uma atualização de emergência para o Windows XP, Windows 8 e Windows Server 2003, todas versões sem suporte oficial da empresa atualmente, com um patch de segurança contra o ransomware.

 

kasperskylab01.jpg