Fujitsu cria tecnologia de autenticação baseada nas veias da palma da mão

Da Redação
19 de abril de 2017 - 12h04
Novidade é o primeiro slide-style do mundo com 8 milímetros de largura, o que permite ser incorporada a dispositivos móveis.

O Fujitsu Laboratories, centro de pesquisa da Fujitsu, anuncia o desenvolvimento do primeiro slide-style do mundo, baseado em uma tecnologia de “leitura” das veias da palma da mão. A solução, compacta, pode ser incorporada em futuros tablets e outros dispositivos móveis.

 

Em comunicado, a empresa diz que a popularização do acesso aos dispositivos móveis tornou possível a incorporação de uma unidade óptica para autenticação de veias, mas admite que reduzir a unidade óptica foi um desafio complexo. A Fujitsu teve sucesso ao desenvolver um componente de iluminação compacto que clareia uma área retangular com intensidade uniforme com apenas um único led. Isto foi possível devido a utilização de um novo elemento óptico composto que aplica o fenômeno de difração.

 

A companhia também desenvolveu uma nova tecnologia de verificação capaz de captar o padrão completo das veias da palma da mão, dividindo o padrão em fatias à medida que a mão passa sob a unidade óptica que, com apenas 8 milímetros de largura, pode ser incorporada nos dispositivos móveis. Como resultado, a autenticação das veias da palma da mão — com suas características superiores, incluindo a autenticação altamente precisa e a resistência à cópia oferecida pelas informações biológicas do corpo — pode ser amplamente utilizada para, por exemplo, acessar informações pessoais ou outras informações sensíveis e utilizar alguns serviços.

 

A Fujitsu espera que isso conduza dispositivos móveis altamente seguros. Além disso, os planos futuros da companhia são continuar refinando suas unidades ópticas e autenticações com o objetivo da implementação prática da novidade tecnológica durante o ano fiscal de 2017.