CEO do Google, Sundar Pichai responde à carta de emprego de menina de 7 anos

Carla Matsu
16/02/2017 - 11h28
Pequena Chloe diz gostar de computadores e robôs. Executivo incentivou menina a 'trabalhar duro e seguir seus sonhos'

A pequena Chloe Bridgewater, de 7 anos, tem algumas pretensões para o seu futuro, que incluem trabalhar numa fábrica de chocolate ou talvez ser nadar nas Olimpíadas, mas ela também acredita que trabalhar no Google poderia ser uma boa ideia, afinal ela gosta de computadores e robôs.

Depois de seu pai falar sobre como seria trabalhar na gigante de tecnologia, onde ela sabe que poderia se sentar em grandes puffs, descer por um escorredor e até mesmo pilotar karts, Chloe resolver mandar uma carta de interesse para o chefe da companhia, para quem direciona um “Dear Google boss”. 

Trata-se da sua segunda carta, diz Chloe, sendo a primeira para o Papai Noel, que nunca respondeu a ela de volta. Mas o CEO do Google, Sundar Pichai, não fez o mesmo:

“Muito obrigada por sua carta. Fico feliz que você goste de computadores e robôs e eu espero que você continue aprendendo sobre tecnologia. 

Eu penso que se você trabalhar duro e seguir seus sonhos, você poderá conquistar qualquer coisa que você tiver em mente, desde trabalhar no Google ou nadar nas Olimpíadas.

Eu estou ansioso para receber sua candidatura de emprego quando você terminar a faculdade. :)

Tudo de melhor para você e sua família”. 

Em sua cartinha, Chloe ainda diz que é uma ótima aluna, algo que seus professores concordam e que seu pai prometeu a ela um computador e tem a incentivado a aprender mais sobre tecnologia.

"Meu pai me disse para enviar minha candidatura para conseguir um emprego no Google. Eu realmente não sei qual delas é, mas ele disse que por enquanto uma carta serviria", termina a carta.

 chloeletter-625