App promete monitorar segurança pessoal durante Jogos Olímpicos

Da Redação
21/07/2016 - 12h46
Criado por brasileiros, iOkay emite alertas para rede de contatas cadastrada com atual posição do usuário

Um aplicativo brasileiro promete reforçar a segurança das pessoas ao avisar para uma rede de contatos cadastrada a sua atual posição, no caso, se o usuário se encontra sob ameaça ou em pânico ou em total segurança. 

Desenvolvido pela agência HYP, o iOkay tem como foco inicial turistas brasileiros e estrangeiros que assistirão a Rio 2016. A ferramenta permite com um toque na tela do smartphone ou do smartwatch que o usuário interaja com a sua rede privada de contatos. Usuários também conseguirão ativar sua rede em tempo real quando estiverem offline.

Quem viajar ao Rio para os Jogos, poderá usar o iOkay integrado ao Waze e Google Maps, um recurso criado para mapear as áreas mais vulneráveis da capital quanto à segurança.  Em situações de risco, o app também poderá ligar para os telefones da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro.

O aplicativo simplifica os alertas de segurança com três botões. Verde para plenamente seguro; Amarelo para imprevisto e Vermelho que indica risco iminente e pedido de socorro. Este último envia à rede um alerta com a localização precisa do usuário em risco.

A agência responsável pelo app também prevê a criação de acessórios como um botão de pânico e uma pulseira para monitoramento da saúde e do bem-estar. Atrelada ao aplicativo, a pulseira permitirá à rede do usuário saber, por exemplo, se ele sofrer uma queda ou tiver aumento acima do normal nos batimentos cardíacos, entre outros registros.

O iOkay pode ser baixado nas lojas App Store e Google Play. Seu uso é gratuito.