Anonymous derruba site da Nissan em protesto contra caça às baleias

Da Redação
13/01/2016 - 13h04
Nissan confirmou que site ficou fora do ar nessa quarta, porém destacou que companhia não tem nenhuma conexão com o ato de caçar ou matar baleias

O site da montadora japonesa Nissan foi derrubado na manhã dessa quarta-feira (13). Hackers que disseram ser do grupo hackativista Anonymous reivindicaram a responsabilidade do ataque, declarando que a ação é um protesto contra a caça a baleias no Japão. As informações são do canal Bloomberg.

A Nissan confirmou que seu site ficou fora do ar para visitantes. Um representante destacou que a companhia não tem nenhuma conexão com o ato de caçar ou matar baleias. 

Não é a primeira vez que o Anonymous direciona ataques do tipo no Japão. Até então, o coletivo disse ser responsável por derrubar o site pessoal do primeiro ministro Shinzo Abe, e os sites de um museu de baleias e de um resort que exibe golfinhos.  

A caça às baleias é proibida no país desde 1986, seguindo um acordo internacional sobre a proibição de sua comercialização. Porém, o Japão tem mostrado resistência a tal medida, com remessas saindo das praias japonesas duas vezes por ano e centenas de baleias mortas para fins de carne e sob o pretexto de pesquisa científica.