Redação do IDG Now!" />

Associações de provedores se mobilizam para bloquear porta 25

Redação do IDG Now!
25/02/2010 - 20h11
Nove entidades do setor anunciaram nesta quinta-feira (25/2) o início de uma campanha para o bloqueio da porta da internet usada para spam.

Diversas associações que representam os provedores de internet escolheram justamente o dia 25 para dar início a uma campanha que enfatiza a necessidade do bloqueio da porta 25, explorada por cibercriminosos para envio de mensagens de e-mail não solicitadas (spam).

Em comunicado divulgado nesta quinta-feira (25/2), as entidades Abramulti, Abranet, Abrappit, Abrint, Aprova-PE, Aprova-PB, InternetSul, Rede Global Info e Rede TeleSul disseram ter dado início a uma campanha nacional para a adoção do bloqueio.

A medida foi recomendada oficialmente pelo Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br) em 24/4/2009, porém a adesão não foi imediata. Um dos primeiros provedores a seguir a recomendação foi o UOL, que bloqueia a porta 25 desde 5/1. À época, o IDG Now! esclareceu as principais implicações da medida, que afeta quem mantém um servidor próprio para envio de e-mails.

Mas o excesso de PCs mal configurados ou infectados com programas maliciosos tem feito com que a porta 25 seja explorada por spammers de todo o mundo, o que coloca o Brasil entre os líderes no envio desse tipo de mensagem.

O Conselho Nacional dos Provedores de Serviço de Internet (Conapsi), que coordena a campanha, afirma que as associações não deram um prazo para a aplicação da medida, mas espera que a maioria dos usuários já tenham a porta 25 bloqueada até o fim de março de 2010.